GOVERNADOR ARCHER – Deferida prisão preventiva de réu denunciado por feminicídio

Continua foragido o réu Railan Cavalcante de Sousa, denunciado pelo Ministério Público do Maranhão (MPMA), por meio da Promotoria de Justiça de Santo Antônio dos Lopes, devido ao feminicídio da ex-namorada dele, Maria Arlete do Carmo Ramos, ocorrido em 7 de setembro deste ano.

O crime foi cometido no boteco do Fausto Júnior, no Centro do município de Governador Archer (termo judiciário da comarca de Santo Antônio dos Lopes).

Consta nos autos que Railan Sousa utilizou um revólver calibre 38  para matar a ex-namorada. Ele desferiu vários disparos na vítima e em Denilson Faustino, que ficou frido e levado ao hospital. Igualmente denunciado, Jonas da Silva Costa auxiliou Railan Sousa para fugir do local.

Foi constatado que Railan e Maria Arlete mantiveram um relacionamento por aproximadamente um mês. Devido a ciúmes excessivos do réu, a vítima pôs fim ao namoro. A atitude dela não agradou Railan, que tentou reatar a relação diversas vezes sem êxito.

O pedido de decretação de prisão preventiva foi assinado pelo promotor de justiça Xilon de Souza Junior, que responde temporariamente pela comarca de Santo Antônio dos Lopes.

De acordo com o MPMA, a autorização é justificada pelo fato de que o réu ceifou a vida da vítima em local aberto ao público e mediante recurso que impossibilitou ou dificultou a defesa desta. O órgão ministerial também se manifestou favorável pela expedição do mandado de prisão de Railan Sousa.

%d blogueiros gostam disto: