Filha de brasileira que estava em lista de sequestrados após ataques terroristas do Hamas é encontrada morta, diz família

A jovem de 18 anos Tchelet Fishbein-Zaarur, filha de mãe brasileira e chamada pela família por Celeste, foi encontrada morta, informou a família à CNN. As circunstâncias da morte não foram informadas.

O tio de Celeste disse que a família recebeu um aviso do Exército de que o corpo da jovem foi encontrado perto da fronteira com Gaza. O corpo foi reconhecido por exame de DNA.

Ela estava desaparecida desde 7 de outubro, quando o Hamas realizou um ataque terrorista em Israel. Celeste estava na lista de sequestrados pelo grupo radical islâmico, conforme informaram a embaixada de Israel no Brasil e familiares à CNN na segunda-feira (16).

Segundo o governo israelense, o Hamas mantém 199 reféns na Faixa de Gaza após o atentado. O grupo extremista islâmico realizou ataques aéreos, avançou no território israelense e invadiu a área de um festival de música eletrônica, onde 260 corpos foram encontrados.

Entre os mortos no atentado estão três brasileiros: o porto-alegrense Ranani Nidejelski Glazer, de 24 anos, e as cariocas Bruna Valeanu, também de 24 anos, e Karla Stelzer, de 42 anos.

%d blogueiros gostam disto: