ALÔ MP: Prefeito Bira prepara rombo de R$ 7 milhões nos cofres do município com empréstimo milionário na Caixa Econômica Federal.

O prefeito da pequena e humilde Graça Aranha, com população estimada em pouco mais de 6 mil habitantes, esta preparando um rombo milhonários aos cofres do municipio. Conhecido em todos os setores da política do estado do Maranhão por se beneficiar do governo e logo depois trair a confiança do Governador Carlos Brandão (PSB) e do Senador Flávio Dino (PSB), o prefeito Bira (PDT) de Graça Aranha agora tenta afundar o município em dívidas.

De acordo com o próprio prefeito que já é bastante conhecido ao meio político no Maranhão por fazer afirmações e declarações incompatíveis com a administração, disse que pretende buscar junto a Caixa Econômica Federal um empréstimo na avaliado em pouco mais de R$ 7 milhões de reais e, com isso, sem dúvidas deverá quebrar o município. Algo jamais visto e fora da realidade para o tamanho do município.

Mas, essa conta não bate, o prefeito Bira (PDT), usa a justificativa que o empréstimo será usado para investir na infraestrutura do município, sendo que pouco antes de trair a ala governista, o município recebeu pavimentações asfálticas, além de revitalizações de prédios públicos e outras providências.

Ministério Público deverá, imediatamente, ser acionado para conter esse Amador na política de Graça Aranha, afinal, quem vai pagar essa conta é o povo.

Após o anúncio feito em sua página, opositores do município reagiram a postura e atitude inaceitável do chefe do executivo municipal, o candidato a prefeito na eleições de 2020, Railton Soares classificou a fala do prefeito como irresponsável e ressaltou que o chefe do executivo não respeita o povo e nem tampouco a responsabilidade fiscal do município .

Vídeo: Candidato nas eleições de 2020 – Railton Soares

Um empréstimo avaliado em pouco mais de R$ 7 milhões para o tamanho do município de Graça Aranha é colocar as demandas municipais abeira do abismo econômico e fiscal jamais visto na história do Maranhão. Graça Aranha tem um dos menores repasses da federação, algo em torno de 0,6%, na verdade, o próprio prefeito quer empenhorar o município para subtrair (segundo ele para investimentos) um valor que foge da realidade do município.

O prefeito já começou dar andamento aos trâmites e já esteve reunido com representantes do alto escalão da Caixa Econômica Federal, Bira conta com o apoio líder do governo na câmara de vereadores, o vereador Vonaldo (PDT), os dois não estão pensando no futuro e no bem-estar da população municipal.

Com isso, imediatamente, acionamos o Ministério Público e a própria Polícia Federal para eventuais medidas de contenção desse transtornado político. ATENÇÃO MPF.