GREVE A VISTA! Em carta aberta Vigias de Presidente Dutra repudiam atitude do prefeito em não cumprir acordo sobre seus salários.

GREVE A VISTA! Em carta aberta Vigias de Presidente Dutra repudiam atitude do prefeito em não cumprir acordo sobre seus salários.

O impasse entre a gestão da “Mudança” e a classe de vigias de Presidente Dutra teve mais um capitulo nesta quinta-feira (01). Em uma carta devulgada em grupos de whatsapp, os servidores se mostram indignados com o que eles chamam de “usurpação de parte do salários” pelo atual gestor, Raimundo da Audiolar.

A carta denominada “GESTÃO DA MENTIRA X VIGIAS” a classe cita o que ocorreu quando se deparraram com o pagamento do mês de julho em suas contas e a desagradável surpresa. Confira a nota na integra.

Redes Sociais

GESTÃO DA MENTIRA X VIGIAS – NOVELA MEXICANA CAPÍTULO 5

Como já era de esperar-se, o atual prefeito de Presidente Dutra no Maranhão, se contradiz mais uma vez naquilo que pregou em campanha, e vem provando a cada dia que não tem palavra e nem compromisso com o que fala.

*Entenda o caso: *

Raimundinho, desde o primeiro dia de gestão tem perseguido e afligido a classe dos vigias de PK, com subtração de seus salários, mudança de escala e falsos testemunhos em relação a esses dignos trabalhadores. No entanto ,após inúmeros  embates o atual prefeito fez uma proposta aos vigias ,que mudaria a escala (algo simplesmente para massagear seu próprio ego),e consequentemente pagaria as horas extras que viriam a acumular-se.

Hoje 01/07/21, todos esses profissionais receberam seus salários, porém sem nenhum adicional do qual ficou acordado entre as partes envolvidas. Assim ficando claro ,que o acordo foi apenas estratégia de acalentar a situação. Os servidores de imediato deslocaram-se até a procuradoria, onde o “procurador-prefeito “disse em alto e bom som, que o município não tem condições de cumprir o acordo, e que o sr. prefeito já teria dado o veredito sobre o caso.

“Estamos perplexos e desanimados, nunca imaginávamos na pior das hipóteses, sermos tão coagidos e humilhados por alguém que dizia-se ser tão honesto e que valorizaria o trabalhador, na verdade estamos vendo nosso mísero salário ser tomado à força, mês após mês. Ainda vem um secretário diante de todos, afirmar que nunca estivemos tão satisfeitos, pelo contrário, a insatisfação é total. Sr. secretário, guarde seus discursos pomposos e sofistas para outras oportunidades, não somos leigos e muito menos burros. ”Concluiu o vigia, com um tom de angústia e incerteza.

Fica aqui o apelo a essa gestão que dar sinais de estar confusa e perdida, que sejamos homens de verdade, e cumpramos com o que tem que ser feito.

Os profissionais da vigilância se reunirão nos próximos dias, para discutirem datas para o início de um movimento de GREVE.

%d blogueiros gostam disto: