Com fraco desempenho em pesquisas, Dino desiste de concorrer à Presidência da República

Com fraco desempenho em pesquisas, Dino desiste de concorrer à Presidência da República

Flávio Dino decide que irá disputar o Senado em 2022. Governador do Maranhão diz que pretende contribuir com o campo progressista no Congresso, mas não descarta mudar de planos

Um dos expoentes da oposição ao governo de Jair Bolsonaro, o governador do Maranhão, Flávio Dino, do PCdoB, está decidido a disputar o Senado em 2022.

Mesmo com seu nome citado e especulado para a composição de uma chapa majoritária para enfrentar o atual presidente da República, Dino contou ao Radar que tomou sua posição.

“MINHA DECISÃO É DISPUTAR O SENADO. A DECISÃO VISA COLABORAR NA CONTINUIDADE DA IMPLEMENTAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS NO MARANHÃO. E CONTRIBUIR COM O CAMPO PROGRESSISTA EM ÂMBITO NACIONAL, ATUANDO NO ATUANDO NO CONGRESSO”, AFIRMOU DINO.

O governador comunista considera sim a possibilidade de disputar a sucessão no Planalto, mas depende de outros fatores, como a unidade da esquerda. É o que o faria de mudar da ideia de não concorrer ao Senado.

“Qualquer mudança de planos depende do principal: conseguirmos juntar forças em uma chapa para disputar e vencer a eleição presidencial de 2022. Jamais serei um fator de divisão, e sim de ajudar a convergências”, afirmou.
De qualquer forma, Dino terá que deixar o governo do Maranhão em abril de 2022, já que irá concorrer a um cargo diferente do que ocupa.

maranhaotv

%d blogueiros gostam disto: