Dino no STF: 24 senadores já declararam voto favorável à indicação, 21 se posicionaram contrários.

Com placar apertado para garantir a aprovação de seu nome ao Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro da Justiça Flávio Dino começou a percorrer gabinetes de senadores para angariar apoio na votação, que deve acontecer no próximo dia 13 no Senado federal. Levantamento feito pelo GLOBO com todos os 81 parlamentares da Casa mostra que o nome de Dino já tem a metade do apoio necessário para ter sua indicação referendada.

Entre todos os senadores, 24 afirmaram serem favoráveis à indicação, enquanto 21 já se posicionaram contrários ao nome apontado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Para ser aprovado no Senado, Dino precisa ter mais da metade dos votos em cima do total possível, ou seja, 41 senadores. Para isso, ele aposta em conquistar a base aliada do governo — eles somam 28 dos 36 parlamentares com assentos na Esplanada dos Ministérios.

Entre os partidos que integram a equipe de Lula, a maioria dos indecisos é do PSD, somando cinco parlamentares, enquanto outros quatro não responderam ao questionamento do GLOBO. Já o Republicanos, que abriga o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho (PE), tem três dos quatro senadores declarando serem contrários à escolha de Dino ao STF.

Veja a posição de cada parlamentar

Sair da versão mobile
%%footer%%